quarta-feira, 24 de maio de 2017

Tirem outro passe - Ajax


José Mourinho somou o seu quarto título europeu e ofereceu ao Man. United o primeiro troféu da Liga Europa. Acesso à Champions garantido com mérito e uma estratégia bem definida, que amarrou o Ajax a um futebol de posse e muitos passes, mas completamente inconsequente em matéria ofensiva. A imagem é clara: vejam bem a quantidade de passes do Ajax e por onde a bola andou na final. 

O Special One não perdeu o jeito e apesar de batida, a frase «as finais são para se ganhar», fez esta noite todo o sentido. Sanchez (91), De Ligt (65), Veltman (62) e Riedewald foram os jogadores do Ajax que mais passes fizeram. 


Enviar um comentário